Grupos Culturais 2016

Selecionadas por meio de Chamada Pública da VI Semana Fluminense do Patrimônio, as apresentações culturais serão realizadas sob a forma de espetáculos, oficinas e exposições com o propósito de exibir, divulgar e valorizar práticas, representações, expressões, saberes e técnicas do patrimônio cultural imaterial fluminense. Cada artista ou grupo cultural selecionado receberá R$ 3.500,00 (três mil e quinhentos reais) como apoio financeiro da SFP para a realização de seu evento. As apresentações culturais acontecerão em várias regiões do território fluminense como Costa Verde, Grande Rio, Região dos Lagos, Médio Paraíba, Centro Sul, Norte, Noroeste e Região Serrana, no período de 16/01 a 19/02/17

 

RESULTADO DA SELEÇÃO DE APRESENTAÇÕES CULTURAIS

A VI Semana Fluminense do Patrimônio apresenta o resultado da seleção de apresentações culturais com foco no patrimônio imaterial fluminense, propostas por artistas independentes ou grupos culturais, que receberão apoio para realização no estado do Rio de Janeiro, entre 16 de janeiro a 19 de fevereiro de 2017.

Embora a seleção previsse a realização de 2 apresentações culturais em cada uma das regiões do território fluminense (Centro Sul, Costa Verde, Grande Rio – Metropolitana, Médio Paraíba, Norte, Noroeste, Região dos Lagos, e Região Serrana), algumas regiões não apresentaram projetos e outras apresentaram projetos em desacordo com as premissas da Chamada Pública. Dessa forma, algumas regiões tiveram número maior de projetos contemplados, respeitando o total de 16 projetos, conforme previsto na referida Chamada.

A seleção foi realizada de acordo com os objetivos da Semana Fluminense do Patrimônio e foram habilitadas apresentações culturais que exibam, divulguem e valorizem o patrimônio cultural imaterial fluminense e contribuam para a continuidade e o fortalecimento das identidades culturais no estado do Rio de Janeiro.

Os artistas independentes ou grupos culturais cujos projetos foram habilitados e contemplados com apoio financeiro serão contatados pela comissão de organização da VI SFP 2016 para as devidas providências necessárias a efetivação do apoio financeiro. Para tanto, deverão atender as exigências estabelecidas na Chamada Pública.

IMPORTANTE: O resultado abaixo apresenta todos os projetos habilitados em ordem de classificação. Caso algum projeto habilitado e contemplado não atenda às exigências nos prazos estabelecidos, os projetos habilitados como excedentes poderão ser contemplados respeitando-se a ordem de classificação.

 Veja os projetos habilitados e contemplados com apoio financeiro, e também os projetos habilitados como excedentes

Dos 132 projetos inscritos, foram habilitados 25 projetos dos quais 16 receberão apoio financeiro para realização, conforme abaixo relacionado:

Região Centro Sul

Nesta região, foram inscritos cinco projetos, os quais não foram habilitados por descumprimento das regras da Chamada Pública.

 

Região Costa Verde

Nesta região, foram inscritos 14 projetos, dos quais apenas um foi habilitado e poderá receber apoio financeiro:

  • Grupos Artêros / A cabaça da existência minha raiz é negra / Carmen e Denise Produçoes Culturais e Marketing Ltda

 

Região Grande Rio – Metropolitana

Nesta região, foram inscritos 55 projetos, dos quais 11 foram habilitados, na ordem de classificação apresentada a seguir. Destes, apenas os cinco primeiros projetos poderão ser contemplados com apoio financeiro, desde que atendidos os requisitos necessários para contratação, conforme abaixo relacionado:

Projetos habilitados e contemplados com apoio financeiro:

  • Movimento Cultural Jongo da Lapa / Roda de Jongo – Movimento Cultural Jongo da Lapa / Juliana do Nascimento Correia
  • Orquestra Popular Tuhu / Concerto Imagens do Rio / Maria Clara Barbosa
  • Asbá / Abdias Nascimento, o leão Africano! / Paulo Mileno
  • Coletivo Sem Ribalta / Picadeiro na Praça / Sluchem Tavares Cherem
  • Luiz Carlos de Moura Junior / Imagens da Mulher na Cultura Cigana / Luiz Carlos de Moura Junior

 

Projetos habilitados como excedentes:

  • Eduardo Mynssen Santos Silva de Moraes / Cidade Maravilhosa / Eduardo Mynssen Santos Silva de Moraes
  • GAS: Grupo Arte Social / Samba Carioca Gastronomia e Cultura: Patrimônio Imaterial Fluminense / Cintia Travassos de Melo
  • Tambor de Cunba / Tambor no Valongo / Ana Paula Viana Catao
  • Coletivo Bonobando / Jongo Mamulengo / Karla Alessandra Florencio Suarez
  • Instituto Brasileiro de Capoeira, educação, cultura e arte / Capoeira para todas e todos / Instituto Brasileiro de Capoeira, educação, cultura e arte
  • Periferia Cena Portuária / Historias Afro Brasileiras Cenas Itinerantes ano IV / Thiago Soares Viana

 

Região Médio Paraíba

Nesta região foi inscrito 16 projetos, dos quais apenas dois foram habilitados e poderão ser contemplados com apoio financeiro, desde que atendidos os requisitos necessários para contratação, conforme abaixo relacionado:

  • Marinez Teodoro / Exposição dos Quilombos / Marinez Teodoro Fernandes
  • Grupo de Dança Afro N’Zinga / Chegada do Negro ao Brasil – Dança Afro-brasileira / Nilzete da Silva Xavier

 

Região Norte

Nesta região foram inscritos sete projetos, dos quais três foram habilitados e poderão ser contemplados com apoio financeiro, desde que atendidos os requisitos necessários para contratação:

  • Banda Musical União Quissamaense / Concerto popular (BMUQ) / Alrenio Belarmino
  • Boi Malhadinho Surubim / Boi Malhadinho – Brincadeira, cultura e tradição / Alencar Miguel dos Santos
  • Jongo Tambores de Machadinha / Saravá, jongueiro! / Wagner Nunes Firmino

 

Região Noroeste

Esta região não teve projetos inscritos.

 

Região dos Lagos

Nesta região, foram inscritos 20 projetos, dos quais apenas três foram habilitados, na ordem de classificação apresentada a seguir. Destes, apenas os dois primeiros poderão ser contemplados com apoio financeiro, desde que atendidos os requisitos necessários para contratação. Em caso de impedimento de algum(ns) dos dois primeiros classificados, o seguinte deverá ser convocado.

Projetos habilitados e contemplados com apoio financeiro:

  • GRIOT pesquisa, difusão e memória em tradições afro / Oficinas de percussão para cortejos e rodas populares GRIOT / Marcia Fonseca
  • Sociedade Folclorica Mineiro Pau de Silva Jardim / II Feira Viva – Edição Mineiro Pau Silva Jardim / Joao Gabriel Valladão dos S. Cruz

 

Projeto habilitado como excedente:

  • Reconca Lagos – Samba de Roda / Oficina e apresentação de samba de roda com o grupo Reconca Lagos / Djane Gusmão Verçoza

 

Região Serrana

Nesta região foram inscritos 15 projetos, dos quais 05 foram habilitados, na seguinte ordem de classificação. Destes, apenas os três primeiros projetos poderão ser contemplados com apoio financeiro, desde que atendidos os requisitos necessários para contratação:

Projetos habilitados e contemplados com apoio financeiro:

  • Allan da Silva Alves / Onixegum, folhas que curam: difusão e empoderamento dos saberes de erveiros/as e benzedeiros/as no Município do Carmo/RJ / Allan da Silva Alves
  • Ecomuseu Rural (Instituto de Imagem e Cidadania) / Cultura Popular Rural / Ecomuseu Rural (Instituto de Imagem e Cidadania)
  • Brincadeira do Boi de Luz / Brincadeira do Boi de Luz / Oficina-escola “As mãos de luz”

 

Projetos habilitados como excedentes:

  • Camarada Matagal / Camarada Matagal / Federico Jose Klurfan
  • Mestre Paulao Kikongo / Oficina Cultural na Ginga da leitura / Paulo Henrique Menezes da Silva

 

A Comissão de Organização da VI Semana Fluminense do Patrimônio 2016 parabeniza a todos os artistas independentes e grupos culturais proponetes dos projetos habilitados!

 

_________

Conheça a chamada pública aqui: Chamada_publica_grupos_culturais

Regiões do Estado do Rio de Janeiro: Anexo_a 

Arquivo para download: Declaracao de representacao

Arquivo para download: Termo de compromisso